Apoios financeiros concedidos para a execução de projectos

COMPETE2020

Internacionalização do VESAM SIGMA

Código: 06/SI/2015
Designação: Projectos Individuais – Internacionalização
Programa Operacional: Programa Operacional Regional do Centro
Objetivo Temático: OT 3 – Reforçar a competitividade das PME
Prioridade de Investimento: PI 3.2 – O desenvolvimento e aplicação de novos modelos empresariais para as PME, especialmente no que respeita à internacionalização
Tipologia de Intervenção: TI 52 – Internacionalização das PME
Localização do Projeto (NUTS II): 100% Centro

Data de Inicio: 2015-07-01
Data de Fim: 2017-06-30

Investimento Total: 270.000,00 Euros
Investimento Elegível: 216.300,00 Euros
Incentivo Não Reembolsável: 97.335,00 Euros

Resumo:
Este projeto de investimento de internacionalização tem a sua génese no novo produto SIGMA. O SIGMA – Sistema Integrado de Gestão e Monitorização Avançada – é um sistema de monitorização da integridade estrutural desenvolvido de raiz pelo Departamento de I&D+i da VESAM Engenharia S.A. Este departamento foi criado na sequência da aprovação de um projeto de capacitação e reforço de competências internas de I&DT, na tipologia Núcleos de I&DT, com inicio a 01 de Janeiro de 2014 e conclusão a 30 de Junho de 2015.

Considera-se que estão reunidas as condições para a VESAM avançar com um plano de internacionalização sustentado e credível, baseado na sua estratégia e complementarmente ao investimento que tem vindo a fazer na investigação e desenvolvimento de novos produtos/soluções. O presente projeto de investimento visa a qualificação da VESAM para a implementação desta estratégia e sustentar a internacionalização da empresa, alargando o mercado em que atualmente atua. As previsões do volume de exportações estão devidamente sustentados em indicadores sectoriais que demonstram as perspetivas de internacionalização do mercado, designadamente aos elementos recolhidos das caraterísticas dos mercados selecionados. Encontram-se igualmente suportadas pela evolução estratégica da empresa, onde se procura diversificar e alargar a sua abrangência de países/mercado onde a VESAM pretende atuar, procurando dinimuir a sua dependência do mercado de Angola.

Considera-se que o investimento é adequado à obtenção de ganhos mais rápidos em termos de uma maior orientação para os mercados externos, permitindo à VESAM sustentar a sua presença no mercado externo. A seleção dos mercados alvo do projeto obedeceu a uma análise detalhada de cada um deles. A saber, França, Moçambique e Estados Unidos.

Considera-se que as formas de promoção previstas para os mercados selecionados são adequadas, visto que incluem:
– Presença em feiras em países com forte procura de produtos e com certames internacionais fortes no setor, compreendendo um investimento de € 165.400,00;
– Realização de workshops técnicos, de modo a identificar novos clientes da VESAM, compreendendo um investimento de € 84.600,00;
– Execução de material promocional em formato papel e digital para utilização nas feiras e nos workshops, compreendendo um investimento de € 5.000,00; e
– Realização de um estudo de mercado (Estados Unidos), compreendendo um investimento de € 10.000,00.


Qualificação do VESAM SIGMA

Código: 05/SI/2015
Designação: Projectos Individuais – Qualificação das PME
Programa Operacional: Programa Operacional Regional do Centro
Objetivo Temático: OT 3 – Reforçar a competitividade das PME
Prioridade de Investimento: PI 3.3 – A concessão de apoio à criação e ao alargamento de capacidades avançadas de desenvolvimento de produtos e serviços
Tipologia de Intervenção: TI 53 – Qualificação e inovação das PME
Localização do Projeto (NUTS II): 100% Centro

Data de Inicio: 2015-07-01
Data de Fim: 2017-06-30

Investimento Total: 153.240,00 Euros
Investimento Elegível: 102.850,00 Euros
Incentivo Não Reembolsável: 46.282,50 Euros

Resumo:
Este projeto de investimento de qualificação tem a sua génese no novo produto SIGMA. O SIGMA – Sistema Integrado de Gestão e Monitorização Avançada – é um sistema de monitorização da integridade estrutural desenvolvido de raiz pelo Departamento de I&D+i da VESAM Engenharia S.A. Este departamento foi criado na sequência da aprovação de um projeto de capacitação e reforço de competências internas de I&DT, na tipologia Núcleos de I&DT, com inicio a 01 de Janeiro de 2014 e conclusão a 30 de Junho de 2015.

Considera-se que estão reunidas as condições para a VESAM avançar com um plano de qualificação sustentado e credível, de apoio à internacionalização da empresa, baseado na sua estratégia e complementarmente ao investimento que tem vindo a fazer na investigação e desenvolvimento de novos produtos/soluções. O presente projeto de investimento visa a qualificação da VESAM para a implementação desta estratégia e sustentar a internacionalização da empresa, alargando o mercado em que atualmente atua. As previsões do volume de exportações estão devidamente sustentados em indicadores sectoriais que demonstram as perspetivas de internacionalização do mercado, designadamente aos elementos recolhidos das caraterísticas dos mercados selecionados. Encontram-se igualmente suportadas pela evolução estratégica da empresa, onde se procura diversificar e alargar a sua abrangência de países/mercado onde a VESAM pretende atuar, procurando dinimuir a sua dependência do mercado de Angola.

Considera-se que o investimento é adequado à obtenção de ganhos mais rápidos em termos de uma maior orientação para os mercados externos, permitindo à VESAM sustentar a sua presença no mercado externo.
O projeto de investimento compreende assim investimentos nos seguintes domínios imateriais:
i) Economia digital e tecnologias de informação e comunicação (TIC), num total de um investimento de € 30.790,00;
ii) Qualidade, num total de um investimento de € 107.450,00;
iii) Proteção de propriedade industrial, num total de um investimento de € 5.000,00.


BRIDE – Painel Compósito com Rede Sensorial Integrada para Tabuleiros de Pontes Mistas Aço-Betão

BRIDE – Composite Panel with Integrated Sensorial Network for Steel Mixed Bridge Decks

 

Código: 16/SI/2015
Designação: Projectos de I&D – Projectos Individuais
Programa Operacional: Programa Operacional Regional do Centro
Objetivo Temático: OT 1 – Reforçar a investigação, o desenvolvimento tecnológico e a inovação
Prioridade de Investimento: PI 1.2 – Promover o investimento das empresas em I&I
Tipologia de Intervenção: TI 47 – Actividades de I&D Empresarial
Localização do Projeto (NUTS II): 100% Centro

Data de Inicio: 2017-02-26
Data de Fim: 2019-02-26

Investimento Total: 749.668,50 Euros
Investimento Elegível: 687.368,21 Euros
Incentivo Não Reembolsável: 523.430,03 Euros

Resumo:
O objectivo do projeto BRIDE é demonstrar e validar um novo conceito relacionado com painéis compósitos para tabuleiros de pontes metálicas e mistas. Este novo conceito compreende duas chapas de aço, um núcleo central de uma espuma de poliuretano de alta densidade e, em determinados casos, de uma estrutura alveolar intermédia do tipo “honeycomb” executada em enformados a frio para melhorar a rigidez distorcional do painel.

O painel compósito apresenta as mesmas vantagens das soluções correntes, tais como as lajes de betão armado e pré-esforçado e as lajes mistas aço-betão, ultrapassando ao mesmo tempo todos os seus inconvenientes. O painel compósito apresenta elevados rácios de resistência/peso, rigidez/peso e peso/custo quando comparado com soluções correntes. A espuma de poliuretano é formulada especificamente para atingir elevadas densidades (acima de 1000kg/m3).

Para inovar e criar um novo conceito de elemento estrutural em pontes metálicas, é ainda inserida uma rede sensorial durante o fabrico do painel compósito e que permite monitorizar o seu comportamento em tempo real e durante toda a sua vida útil. Esta rede é depois ligada a um sistema de aquisição de dados que recebe o sinal de todos os sensores instalados em cada painel.

Adoptando esta abordagem é possível conhecer o comportamento do tabuleiro da ponte durante todo o seu período de vida, incluindo a fase de montagem. O fabrico, transporte e instalação do painel compósito em tabuleiros de pontes é simples, rápido e não necessita de mão-de-obra especializada ou equipamentos. Mais, após a instalação do painel compósito este fica pronto a receber carga atuando de imediato como elemento estrutural.